sábado, Abril 12, 2014

Homenagem a Sousa Mendes, São Paulo, 16-Abril

CCJ homenageia Aristides de Sousa Mendes

O Centro da Cultura Judaica inaugura em 16/04 programação especial sobre as vítimas do Holocausto. Destaque para a homenagem a Aristides de Sousa Mendes, Cônsul de Portugal em Bordéus, na França, à época da invasão alemã, e responsável por salvar a vida de milhares de judeus.
Saiba mais clicando aqui.

Carregal lança Roteiro Turístico, 13-Abril, 10h00

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Lançamento do Roteiro Turístico do Município é ponto alto das comemorações do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios
O Município de Carregal do Sal assinala o dia dos monumentos e sítios enquanto Lugares de Memória com a publicação  do “Roteiro Turístico do Município de Carregal do Sal”, subordinado ao tema Território e Património Histórico-Cultural”. O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios é comemorado com diversas atividades que decorrerão de 12 a 17 de abril . 
  • Data:  domingo, 13 -abril - 2014.  10h00
  • Local:  Museu Municipal de Carregal do Sal
 Do programa comemorativo constam ainda visitas guiadas/organizadas às coleções permanentes e temporárias do Museu Municipal (dia 12) e de 15 a 17 de abril decorrerá a exposição temporária subordinada ao tema “Lugares de Memória”.
Há quatro anos, em Janeiro 2010,  foram divulgados  no blog Amigios de Sousa Mendes alguns "Elementos para um Estudo Turístico"

segunda-feira, Abril 07, 2014

Coloquio Dever de Memória, 3-Abril, Carregal do Sal

ARISTIDES DE SOUSA MENDES EVOCADO 60 ANOS APÓS A SUA MORTE

CARREGAL DO SAL – Aristides de Sousa Mendes foi mote para o colóquio/painel realizado ontem à tarde, no Centro Cultural de Carregal do Sal. A iniciativa, integrada no projeto “Dever de Memória.- Jovens pelos Direitos Humanos” promovido pelo Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal, surgiu como uma evocação e singela homenagem ao Cônsul, no dia em que passaram 60 anos sobre o aniversário da sua morte.
Painel de convidados e moderador à direitaPrecedido de discursos de abertura proferidos pelo Diretor do Agrupamento de Escolas, Hermínio Cunha Marques, que enalteceu o projeto e o empenhamento dos alunos na sua concretização e informou de que Aristides de Sousa Mendes tinha sido um brilhante aluno do ex-Colégio Nun’Álvares e do Vice-Presidente da Câmara Municipal, José Sousa Batista, que sublinhou a necessidade de memória e o dever para com o gesto do Cônsul, a tarde iniciou com um momento musical em violino, a cargo da aluna Beatriz Queirós, do 9.º ano. Depois seguiu-se a projeção de um filme sobre iniciativas realizadas nos últimos dez anos, para evocar a figura de Aristides de Sousa Mendes, e sobre o atual estado da Casa do Passal, produzido por Josefa Reis, professora do Agrupamento.
O colóquio/Painel, moderado por Óscar Paiva, começou de imediato com a intervenção de António Moncada, neto de Aristides de Sousa Mendes, que recordou episódios da vida do avô e fotografias antigas, algumas com mais de 90 anos.
Fátima Claudino, da Comissão Nacional da UNESCO, referiu-se aos objetivos, missão e abrangência da Comissão parabenizando o Agrupamento de Escolas por ser mais uma das Escolas associadas da UNESCO procedendo, no final, à entrega do documento oficial.
António Martins, natural do Concelho de Carregal do Sal e em nome da Memoshoá (Associação para a Memória e o Ensino do Holocausto) sustentou a sua intervenção em imagens de desumanização e carnificina praticada pelas SS recordando que também estes tinham família e na importância da Resistência dos Judeus lembrando que o ato de Aristides de Sousa Mendes, que levou à sua distinção de “Justo Entre as Nações” por Israel, foi totalmente merecida. Aludiu na ocasião ao facto de existir um outro português “Justo Entre as Nações” mas que não tem tido a visibilidade do Cônsul, referindo-se a Sampaio Garrido. A terminar deixou o repto para que situações como a do Holocausto não se repitam.
Luís Fidalgo, da Fundação Aristides de Sousa Mendes e orador seguinte, reportou-se ao caráter de Aristides de Sousa Mendes que, tal como o seu irmão gémeo, César, foram ótimos alunos também na Universidade de Coimbra onde, inclusive aparecem referenciados em atas como dois alunos que tentaram fazer das praxes algo menos agressivo sugerindo a realização das Festa dos Novatos (referindo-se aos caloiros). A par deixou o que chamou de referendo aos alunos em relação à transladação dos restos de Aristides de Sousa Mendes para o Panteão Nacional e sobre a beatificação do Cônsul, alvitrada por alguns.
A última intervenção coube a Paula Teles, do Museu Municipal Manuel Soares de Albergaria. A Técnica incidiu a sua apresentação sobre a Casa do Passal em termos de património cultural e histórico que importa preservar e perenizar.
Seguiu-se um período de debate e logo depois a visita à exposição realizada por alunos de várias turmas do Agrupamento “O Outro Olhar… Aristides de Sousa Mendes – 60 anos de Memória”, patente no Museu Municipal.
A iniciativa terminou com um Dão de Honra servido nas instalações da Escola Sede – CEF/Bar.
Nota:  Aristides de Sousa Mendes casou-se em 1909, dificilmente terá estudado no Colégio Nun'Álvares que foi criado muito mais tarde  e onde estudaram os seus filhos 

domingo, Abril 06, 2014

Cordão Humano em volta da Casa de Sousa Mendes


(see in English below)
Centenas de amigos de Aristides de Sousa Mendes responderam ao apelo e vieram manifestar o seu apoio à recuperação da Casa do Passal, classificada como Património Nacional em 2011, que está em avançado estado de ruína.

Ouviram Celeste Amaro, Directora Regional de Cultura Centro anunciar que o concurso para as  obras de recuperação foi lançado e os trabalhos irão começar em Maio até Dezembro 2014.


Esta Fase I, que custará cerca de 300.000 Euro, inclui a consolidação das paredes e das colunas interiores, a colocação de um nova cobertura, para além de picar e pintar as paredes exteriores.  Se o orçamento permitir, serão colocadas janelas novas.

(Tratando-se de pelo menos 70 janelas na casa principal e outras 20 janelas na garagem, as janelas já são um grande desafio.)

Entretanto, será preparado e aprovado o projecto para a Fase II, que incluirá a recuperação do interior, e que dependerá de financiamento proveniente do próximo Quadro Comunitário de Apoio.
Celeste Amaro convidou os presentes a voltarem pelo Natal e testemunharem a conclusão da Fase I.

Rogério Mota Abrantes, Presidente da Câmara Municipal de Carregal do Sal, que é Membro do Conselho de Administração da Fundação Aristides de Sousa Mendes reafirmou o empenho do município no projecto.  Ele desafiou os residentes locais que tenham peças do antigo recheio da Casa do Passal que ajudem a preparar uma lista.
Os organizadores agradeceram a presença de todos,  e pediram que assinassem o livro de honra que fará parte do acervo do futuro museu.

E ficou no ar outro desafio:
Se as obras da Casa do Passal não andarem para a frente, a próxima concentração dos amigos de Sousa Mendes será em frente de um outro palácio, o de S. Bento.
Depois dos discursos, a multidão foi-se espalhando pela rua e pelo quintal abaixo, até unirem as mãos no portal de S. Cristóvão em frente à igreja.  Justo a tempo de assistir a "missa e procissão",  com filarmónica.

O próximo grande evento será a colocação de gruas, algures em Maio.

Ver Correio da Manhã http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/centenas-reunem-se-para-salvar-casa-de-aristides-de-sousa-mendes  e http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/obras-na-casa-de-aristides-de-sousa-mendes-arrancam-no-final-de-maio

Hundreds of friends Aristides de Sousa Mendes responded to the call and came to lend their support to the recovery of the Casa do Passal , classified as a National Heritage Site in 2011, which is in an advanced state of ruin.

They heard Celeste Amaro,  Regional Director of  Culture for the Center of Portugal, announce  that the tender for the restoration work is underway and that the work will start in May until December 2014.

This Phase I of the works, which will cost around 300,000 Euro , includes the consolidation of the walls and interior columns , pulacement of a new roof , as well as repairing and painting the exterior walls . If budget permits , new windows will ao be placed .

( Note: There are at least70 external windows in the main house and another 20 windows in the garage , so just financing the windows is a major challenge . )

However , the plans for Phase II must also be prepared and approved before the end of 2014.  Phase II  will include the recovery of the interior , and will depend on the availability of funding from the next EU Support Framework . Celeste Amaro invited those present to return at Christmas 2014  and witness the completion of Phase I.

Rogerio Mota Abrantes , Mayor of the Carregal Sal municipality, who is also a Member of the Board of Directors of Fundação Aristides de Sousa Mendes  reaffirmed the commitment of the municipality to the project . He challenged local residents who have pieces  of the   furnishings of  Casa do Passal to help prepare a list so that the interior can also be restored for the museum.

The organizers thanked everyone for their presence , and asked all to sign the guest book that will be part of the library of the future museum.

And another challenge was left in the air:
If the works of the Casa do Passal do not move forward, the next concentration of the friends of Sousa Mendes will be in front of another palace, the palace of S. Bento in Lisbon which houses the Parliament.

After the speeches , the big crowd moved  across the street and the backyard  yard, to join hands in the  St. Christopher  portal in front of the church . Just in time to assist the traditional  " mass and procession " complete with  marching band .

The next big event will be the placement of the construction cranes, sometime in May.

Casa do Passal video

Cordão Humano para salvar a Casa do Passal

Num lindo dia de primavera beirã, fresco mas cheio de sol e do canto dos passarinhos, vamos hoje à tarde prestar homenagem a Aristides de Sousa Mendes na casa onde ele viveu com a sua numerosa família e onde recebeu dezenas de refugiados.

Concentração domingo, 6-Abril, 13h30
(Haverá missa na igreja às 15h, seguida da tradicional procissão de Nosso Senhor dos Passos)
A Casa do Passal em Cabanas de Viriato, outrora imponente e com uma linda vista para a Serra da Estrela, foi classificada como Monumento Nacional em 2011.  É para muitos a manifestação mais tangível do Acto de Consciência de Aristides de Sousa Mendes ao salvar milhares de refugiados no Bordéus de Junho 1940, dias antes da capitulação da França perante a invasão dos exércitos Nazi.

Video da Casa do Passl http://youtu.be/XUQxrhFHIok

Podem-se ver imagens anteriores, incluindo do interior que está em ruínas

Passal Julho 2010 com promessas de obras  http://amigosdesousamendes.blogspot.pt/2010/07/um-presente-de-aniversario-para.html

Novo buraco apareceu em 2008 http://amigosdesousamendes.blogspot.pt/2008/03/casa-do-passal-apresenta-novo-buraco.html

Estudo de recuperação- 2006 http://amigosdesousamendes.blogspot.pt/2006/07/dg-monumentos-nacionais-apresentou.html 

O telhado tinha sido  reparado em 2004 por João Crisóstomo e António Rodrigues com o apoio material de voluntários de Cabanas e Beijós, o que protegeu o interior durante alguns anos http://www.publico.pt/opiniao/jornal/e-preciso-salvar-a-casa-do-passal-23859796 

Escadaria interior circa 2011  http://amigosdesousamendes.blogspot.pt/2006/07/dg-monumentos-nacionais-apresentou.html 


Procissão  http://amigosdesousamendes.blogspot.pt/2011/07/festa-de-sao-cristovao-passa-pelo.html