Pesquisar neste blogue

A carregar...

Tradutor

terça-feira, maio 12, 2015

Sousa Mendes Foundation - trabalho reconhecido

A publicação  Avotaynu on-line, dedicada à genealogia judaica,  republicou um artigo recente da revista PRISM, sobre o trabalho de investigação da Sousa Mendes Foundation a encontrar as famílias que receberam vistos de Aristides de Sousa Mendes para entrar em Portugal em 1940.  São apresentados os perfis de três famílias - Heymann, Rozenfeld, e Segall / Weinstein , bem como se explica o processo envolvido em encontrá-las.
Este trabalho tem sido feito por uma equipa de investigadores voluntários, em parte com um apoio da Claims Conference.
Muitos parabéns por este excelente trabalho.

Por favor, divulguem esta notícia e ajudem a encontrar mais famílias beneficiárias dos vistos de Aristides!

VER http://www.avotaynuonline.com/2015/05/sousa-mendess-list-search-for-survivors/

ou  a pagina da SMF no Facebook 




segunda-feira, maio 11, 2015

I am alive thanks to Aristides de Sousa Mendes


I AM ALIVE thanks to Aristides de Sousa Mendes [ENGLISH SUBTITLES] - FULL HD from Lula Gigante on Vimeo.
"I am Alive thanks to Aristides de Sousa Mendes" is a short documentary film directed by Priscilla Fontoura that tells the story of one of the greatest forgotten heroes of the twentieth century. As the Portuguese Consul-General in Bordeaux, France, during World War II, Sousa Mendes was responsible for saving the lives of thousands of people from the Holocaust. He did this by issuing visas to Portugal, against the direct orders of the Portuguese dictator, António de Oliveira Salazar. Among the visa recipients was Salvador Dali, whose post-war paintings exist thanks to Aristides de Sousa Mendes.
The film establishes a parallel between the Sousa Mendes home in the Portuguese countryside - an edifice that today stands in ruins - and the forced oblivion of his legacy. Punished by the Portuguese government, he never received the recognition he deserved. The starting point of the documentary is a visit to the house, called Casa do Passal, where the Consul was born. There we meet Sousa Mendes visa recipients and their descendants who have come to render homage. The occasion is the opening of an installation, "Work Towards Fairness," created by Eric Moed, a New York architect whose grandfather received a visa from Aristides. Moed's installation includes photographs of the visa recipients and is meant as a plea for the house to be rebuilt.
With their testimonials and family stories, the visa recipient family members help to rebuild the memory of Aristides de Sousa Mendes and restore his good name. This film underlines the necessity of rebuilding the only physical structure in Portugal associated with Aristides de Sousa Mendes, the Casa do Passal, so that the name of one of the greatest heroes in the Western World might be restored to its rightful place in history.
Executive producer VIBIS
Associate producers BRITT MICHAELIAN, ELIZABETH BROWN, HARRY OESTERREICHER, ISABEL CANHOLA, MARK ROBERT, YAKOV DAMKANI AND ELISHEVA DAMKANI
A documentary financed by crowdfunding I AM ALIVE THANKS TO ARISTIDES DE SOUSA MENDES with ANTÓNIO DE MONCADA DE SOUSA MENDES, ERIC MOED, HARRY OESTERREICHER and YARA NAGEL video editing PRISCILLA FONTOURA executive producer VIBIS associate producers BRITT MICHAELIAN, ELIZABETH BROWN, HARRY OESTERREICHER, ISABEL CANHOLA, MARK ROBERT, YAKOV DAMKANI AND ELISHEVA DAMKANI, directed by PRISCILLA FONTOURA

domingo, maio 10, 2015

70 Anos do Fim da II Guerra Mundial - Lisboa Terra de Acolhimento

 LISBOA, TERRA DE ACOLHIMENTO, 4 A 12 MAIO
Abril 29, 2015
No âmbito dos 70 anos do final da II Guerra Mundial e da libertação de Auschwitz, decorre em Lisboa, de 4 a 12 de maio, o programa “Lisboa, Terra de Acolhimento”, iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Lisboa e da Memoshoá - Associação Memória e Ensino do Holocausto.

O programa abre  no dia 4, às 18h30 nos Paços do Concelho, com o debate “Auschwitz e o Holocausto”, que conta com a presença de Esther Mucznik, autora do livro “Auschwitz, um dia de cada vez”, e é moderado por Ana Aranha, realizadora de programas da Antena 1. 
Exposição “Holocausto – O Centro de Informação do Monumento à Memória dos Judeus da Europa Assassinados (Berlim) de visita em Lisboa”
Local: Paços do Concelho
Datas: até 12-Maio-2015 
O ciclo de debates “Aprender com o passado, construir o futuro” decorre até 12 de maio e inclui a participação de diversas individualidades, como as historiadoras Irene Pimentel, Cláudia Ninhos e Inês Fialho Brandão, o repórter investigador Rui Araújo e membros da Associação Memoshoá. 
Pela primeira vez em Portugal, a exposição tem a parceria da Fundação Federal do Monumento à Memória dos Judeus da Europa Assassinados e com a colaboração da Embaixada da República Federal da Alemanha. 

Debate: “O Testemunho de Ida Grinspan”, sobrevivente de Auschwitz, Local:  auditório da Escola Secundária Rainha D. Leonor 
Apoio do Memorial de la Shoah (Paris) e do Liceu Francês Charles Lepierre.


segunda-feira, abril 27, 2015

SurveyMonkey pergunta: Que museus semelhantes já visitou ?

Caros Amigos de Sousa Mendes, 

Enquanto se prepara a próxima fase da criação de um memorial a Aristides de Sousa Mendes e ao seu Acto de Consciência na Casa do Passal, convidamos os Amigos de Sousa Mendes a partilhar a sua experiência de visitas a outros sítios semelhantes.  
Queira responder a este  pequeno inquérito Surveymonkey sobre os museus semelhantes e acompanhe os resultados  
 


Dear Friends of Sousa Mendes 
As the next phase of the creation of a memorial to Aristides de Sousa Mendes and his Act of Conscience in Casa do Passal is being prepared, please share your personal experience of visiting similar museums and sites..  

Please respond to this short survey 

Os nossos agradecimentos

quinta-feira, abril 23, 2015

Casa do Passal circa 2006




Casa do Passal virada a nascente



Depois de tantas décadas, o restauro do exterior da Casa do Passal recorda os grandes momentos da família de Aristides de Sousa Mendes, antes das glicínias crescerem das janelas para fora
Glícinias em Abril 2011



Vida nova para a Casa de Sousa Mendes


Vamos celebrar o 75º Aniversário do Acto de Consciência em grande forma!

Com a conclusão da Fase I das obras de reabilitação realiazadas pela DRCC-Direcção Regional de Cultura Centro, a Casa do Passal em Cabanas de Viriato prepara-se para servir de testemunho vivo e permanente de Aristides de Sousa Mendes e dos refugiados que ele salvou com o seu Acto de Consciência como Consul de Portugal em Bordéus em 1940.
Que as acções do Justo Aristides de Sousa Mendes sirva de exemplo para todos nós.