Pesquisar neste blogue

A carregar...

Tradutor

quinta-feira, janeiro 31, 2013

Angelina Sousa Mendes, heroína portuguesa

Angelina de Sousa Mendes, Heroína Portuguesa do Holocausto
Como se ouve dizer, por detrás de um grande Homem há sempre uma grande Mulher.  Angelina apoiou a grande acção do seu marido e recebeu numerosos refugiados em sua casa, quer na residência consular em Bordéus, quer na Casa do Passal em Cabanas de Viriato, nomeadamente o Rabino Kruger e membros do Governo belga em exílio.
 “… Sousa MENDES amava profundamente a sua mulher Angelina e ela pagava-lhe esse amor com uma dedicação total a ele e à família. Ela tinha participado e aprovado inteiramente as decisões que Sousa Mendes tinha tomado em Bordéus, nunca o tinha censurado pelas desastrosas consequências pessoais dessas decisões e tinha-o apoiado sempre. O seu heroísmo e abnegação não eram inferiores aos dele. Ao seu modo discreto e apagado, tinha partilhado os sofrimentos do marido, e estes tinham-na quebrado antes dele."
Rui Afonso, Injustiça, O Caso Sousa Mendes, Editorial Caminho, Lisboa 1990 , pg 144
Maria Angelina Coelho de Sousa MENDES nasceu em Beijós,  Carregal do Sal, a 20 de Agosto 1888 na Casa do Ribeiro no Lugar d'Álém e faleceu a 24-Agosto-1948. 
Angelina era filha de Clotilde COELHO do Amaral e Abranches e de António de Sousa MENDES , irmão do Juiz José de Sousa MENDES, pai dos gémeos Aristides e César de Sousa MENDES de Cabanas de Viriato.
Angelina era neta de Maria dos Prazeres Ribeiro de ABRANCHES e de Silvério COELHO de Moura Paes do Amaral.

A 18 de Fevereiro de  1909, Angelina casou  na igreja de  Beijós com seu primo Aristides de Sousa MENDES do Amaral e Abranches, de Cabanas de Viriato, filho de seu tio o Juiz José de Sousa Mendes e de Maria Angelina do Amaral e Abranches .
Dos seus primeiros filhos, Aristides César nasceu em Beijós em 1909 e o segundo Manuel Silvério em 1911.
http://www.hmd.org.uk/2006theme/default.asp
Tema: "Uma pessoa,com apoio, pode fazer a diferença"

1 comentário: