Pesquisar neste blogue

A carregar...

Tradutor

quarta-feira, julho 01, 2009

Remembrance Task Force reconhece Sousa Mendes

O acto de consciencia Aristides Sousa Mendes em 1940, que salvou milhares de refugiados em Bordeus foi o motivo para que Portugal fosse admitido no «TASK FORCE FOR INTERNATIONAL COOPERATION ON HOLOCAUST EDUCATION, REMEMBRANCE AND RESEARCH» mais conhecido por «INTERNATIONAL TASK FORCE».
Este grupo de trabalho foi criado em 1998 para que o Holocausto nunca seja esquecido, nem repetido, e que ao contrário, se saiba sempre mais sobre o tema e sobre as pessoas que desempenharam papeis positivos, os Justos tais como Sousa Mendes.
No início de 2009, Portugal aderiu como observador da Task Force que está sob a presidência da Noruega.

Na cerimónia que teve lugar na Embaixada da Austria em Lisboa a 25-Junho, estiveram presentes membros do corpo diplomático e do Governo português, da Comunidade Israelita de Lisboa (CIL), da Fundação Aristides Sousa Mendes e do Museu Virtual ASM.
Os Embaixadores da Austria, Noruega e Israel salientaram o papel desempenhado pela Fundação ASM e CIL e MVASM no domínio da educação, afirmando que foi determinante para a admissão de Portugal no grupo.

Eis mais um argumento em favor da criação de um Museu e Centro de Memória e de estudo dos direitos humanos na Casa do Passal em Cabanas de Viriato .

A Task Force tem grupos de trabalho sobre projectos de investigação, informação e educação e eventos e locais de memória.

has also established working groups in regard to memorials, information projects, research, and education. VER http://www.holocausttaskforce.org/
Fonte: Zoe, http://lobadasestepes.blogspot.com/2009/06/aristides-de-sousa-mendes.html

3 comentários: