Pesquisar neste blogue

A carregar...

Tradutor

segunda-feira, abril 12, 2010

Movimento de promotores locais constitui-se como Associação

O Movimento de Apoio à Construção dos Itinerários Serra da Estrela (MAIS) desenvolve mecanismos com vista à execução dos Itinerários Complementares na Serra da Estrela vai avançar para a constituição de uma associação com personalidade jurídica.

A criação desta associação com suporte jurídico foi tomada durante uma reunião realizada recentemente em Seia e tem como objectivo «desenvolver mecanismos com vista à execução dos Itinerários Complementares – IC6, IC7 e IC 37 – e extinguir-se-á quando estas obras forem executadas», adiantam os promotores em comunicado.

O MAIS foi fundado por Pedro Conde (Seia), Mário Jorge Branquinho (Seia), o empresário Fernando Tavares Pereira (Carregal do Sal), o presidente da Turismo Serra da Estrela Jorge Patrão (Covilhã), o antigo presidente da Câmara de Seia Eduardo Brito, João Antas de Barros (Viseu), Artur Abreu (Oliveira do Hospital), Francisco Rodrigues (Oliveira do Hospital), Manuel Marques (Nelas) e João Paulo Agra (Gouveia).

A associação é um «movimento extra-partidário constituído por personalidades dos concelhos da região abrangida pelos referidos itinerários e que se empenharão nesta causa, considerada fundamental para o desenvolvimento económico e social do território».

O MAIS manifesta-se ainda «solidário para com as populações da região Serra da Estrela que reclamam, por direito próprio, há cerca de 30 anos a construção de vias de comunicação conducentes ao desenvolvimento da região». Para já, o Movimento criou um blogue (http://www.itinerarioserradestrela.blogspot.com/ ) e tem a correr uma petição online (http://www.peticaopublica.com/?pi=P2010N1288), que já ultrapassou as 2.660 assinaturas.
Fonte:  Porta da Estrela

Sem comentários: